Maratona de filmes em preto e branco de graça, na Lapa

Cinema Nosso promove mostra de longas brasileiros produzidos com essa estética, no século XXI

Engana-se quem acha que os filmes em preto e branco são coisas do passado. A estética continua a ser usada em filmes atuais, inclusive em produções brasileiras e, pensando em discutir esse olhar estético na sétima arte, o Cinema Nosso promoverá no próximo dia 29, no LapaCine, a partir das 15h, a “Maratona Escalas de Cinza, a imagem em preto e branco do cinema brasileiro do século XXI”.  Os filmes exibidos serão “Algo mais explícito” (2017, 15min), “Pingo D’agua” (2014, 80min), “Uma estrela pra iô-iô” (2014, 15min) e “Febre do Rato” (2011, 110min). Após a exibição dos filmes, acontecerá um debate sobre a direção de fotografia em filmes brasileiros do século XXI. A entrada é gratuita.

 “A retomada das maratonas de cinema vem da necessidade dos estudos de linguagem para pensar as narrativas para novas plataformas como a realidade virtual. Nesta maratona, discutiremos com fotógrafos escalas cinza no cinema contemporâneo. Em setembro abriremos inscrições para o novo curso de formação em realidade virtual”, destaca Mércia Brito, coordenadora do Cinema Nosso.

Para o debate, foram convidados Cavi Borges e Bia Marques. Cavi é diretor e produtor de cinema, com filmes como “A Distração de Ivan” (festival de Cannes, 2010) e o documentário “Cidade de Deus – 10 anos depois” (coprodução com o Cinema Nosso) no currículo. Através da Cavideo, produziu mais de 30 filmes premiados no Brasil e no exterior. Bia foi diretora de fotografia dos filmes “Dez elefantes” (Prêmio ABC, 2009), “Maria Ninguém” (Festival de Cannes, 2008), “Contos da Maré” (Candango de Melhor filme no Festival de Brasília, 2013) e Tailor (Prêmio do júri popular no Queer Llisboa, 2017).

O LapaCine é uma sala de cinema de rua alternativa e polivalente que viabiliza o acesso ao audiovisual, a formação de público e também se configura enquanto local de criatividade e descontração. O local possui capacidade para 50 lugares e é equipado com projeção profissional.

Esta atividade é uma ação do “Projeto Cinema Nosso – arte, educação e tecnologia”, que tem patrocínio Petrobras.

O Cinema Nosso
O Cinema Nosso é uma instituição sociocultural, com 18 anos de atividades. Sua missão é a democratização do audiovisual para a juventude carioca. O Cinema Nosso é hoje, uma das maiores escolas populares de audiovisual da América Latina, realizando cursos, oficinas, produções, palestras, mostras, sessões de cinema e festivais. Situada em um casarão do século XIX no coração da Lapa, no Rio de Janeiro, a organização prioriza o estímulo à reflexão e ao respeito, diversidade, pluralidade e cultura popular. A ação foi iniciada a partir do processo de produção do filme “Cidade de Deus” dos diretores Fernando Meirelles e Kátia Lund.

Serviço

MARATONA ESCALAS DE CINZA

A IMAGEM EM PRETO E BRANCO DO CINEMA BRASILEIRO DO SÉCULO XXI

Dia 29/09, às 15h.

Local: LapaCine – Cinema Nosso
Rua do Rezende 80, Centro – Rio de janeiro
www.cinemanosso.org.br
21.25053300
ENTRADA FRANCA | SUJEITO A LOTAÇÃO

 

15h

Algo mais explícito (Brasil, 2017, 15min).

Diretor: Cavi Borges

Sinopse: O que um politico corrupto pode mudar na vida de um cidadão comum.

 

Pingo D’agua (Brasil, 2014, 80min)

Diretor: Taciano Valério

Sinopse: Um país, três cidades completamente diferentes. Pessoas se deslocam buscando uma mudança não apenas territorial, mas também – e principalmente – interior. Viajando aproximam-se de si mesmos, imersos em um universo de visual poético como a vida.

 

17h

Uma Estrela pra iô-iô (Brasil, 2014, 15min).

Diretor: Bruno Safadi

Sinopse: O curta-metragem gira em torno do desejo do personagem Antônio Cleide, interpretado por Gustavo Falcão, de compensar a frustração de não poder oferecer uma vida melhor à sua namorada, a prostituta Ioiô, vivida por Mariana Ximenez. Uma chance imperdível surge quando um vendedor (o diretor Ivan Cardoso em sua estreia como ator de curtas metragens) aparece no Rio de Janeiro oferecendo as estrelas do céu com certificado e tudo.

 

Febre do Rato (Brasil, 2011, 110min).

Diretor: Cláudio Assis

Sinopse: Zizo é um poeta inconformado e anarquista, que preenche seus dias com seus poemas subversivos até conhecer a bela Eneida, que injeta uma história de amor em sua vida mundana.

É importante chegar pelo menos 30min antes da sessão para a retirada de senhas. Evento sujeito à lotação. Haverá bate papo com convidados após a sessão.

Esta atividade é uma ação do Projeto Cinema Nosso – arte, educação e tecnologia com patrocínio Petrobras.

 

Informações para imprensa
Target Assessoria de Comunicação
Com: Márcia Vilella | Felipe Martins | Jerson Pita
(21) 2284-2475 | 98158-9692 | 98158 9715
marcia@target.inf.br | felipe@target.inf.br | jerson@target.inf.br

 

 

voltar para lista